Como a reprivatização na Rússia vai terminar

Enquanto o presidente Putin enfrenta corajosamente o Ocidente, o governo nomeado por ele, todos liberais, se prepara para uma venda "ambiciosa" dos restos de propriedade do Estado, que, Oleg Deripaska não permitirá mentiras, acabará ficando sob o controle de magnatas do mundo dos negócios ocidentais. Como isso é possível, em princípio, em um país que entrou na Guerra Fria-2?




A privatização ao estilo de Chubais dos anos noventa deu origem a uma enorme estratificação social e toda uma classe de oligarcas, cujos interesses “egoístas”, para dizer o mínimo, nem sempre coincidem com os interesses nacionais da Rússia. Em seguida, foi feito para "cravar pregos na tampa do caixão do comunismo". A transição dos mais saborosos pedaços de propriedade estatal para os "gordos dois milésimos" sob o slogan da chegada dos notórios "administradores eficazes" continuou. A etapa atual está ocorrendo sob o lema “redução do papel do Estado na a economia”E, aparentemente, será o final para nós. Em todos os sentidos da palavra.

Vale ressaltar que o vice-primeiro-ministro Anton Siluanov anunciou a necessidade de "privatizações mais ambiciosas" não apenas em algum lugar, mas em Washington, ao se comunicar com investidores estrangeiros à margem de uma reunião com representantes do FMI e do Banco Mundial. Eles perguntaram por que os planos de privatização estão agora “tão baixos”. Ao que Siluanov acenou com a cabeça em concordância:

Eles perguntaram por que temos planos tão baixos de privatização. O programa de privatizações precisa ser mais ambicioso, aqui eu concordei.


Depois de tais revelações, não quero mais apontar o dedo à Ucrânia, que, a pedido do FMI, está pronta para privatizar seu solo negro e chamá-la de uma "colônia do Ocidente". Por que toda essa atividade econômica extremamente duvidosa levanta tantas questões ao governo e ao chefe de Estado que o nomeou?

Em primeiro lugarParece que temos outra versão da Guerra Fria há cinco anos, e bombardeiros americanos capazes de transportar armas nucleares estão voando ao redor das fronteiras do país. Dezenas de exercícios militares da OTAN estão sendo realizados em torno de Kaliningrado. Tudo isso requer a mobilização da economia e seu rearranjo em pé de guerra. Mas, em vez disso, continuamos a ouvir histórias sobre "proprietários privados eficazes" que aparecerão quando o papel do Estado na economia diminuir.

Eu gostaria de fazer uma observação sobre isso. Se os cavalheiros liberais do governo acreditam tanto no poder vivificante dos negócios privados, que eles criem as condições para seu surgimento. Quando realmente aparecer e o setor privado se tornar significativo, o papel do Estado na economia diminuirá naturalmente. Em vez disso, eles nos enganam, alegando a necessidade da privatização do setor público, substituindo conceitos banalmente.

em segundo lugar, os liberais no poder "passam pelos ouvidos" da população com histórias sobre dinheiro fabuloso que o orçamento ajudará com a venda dos restos mortais de empresas estatais. Mas isso é astúcia, já que os fundos serão recebidos uma vez, após o que serão controlados. E isso é tudo. Sendo propriedade estatal, a produção e outros ativos geram lucro em uma base regular. A propósito, nosso orçamento está superavitário, o NWF está estourando de dinheiro. Mas os liberais "clinicamente" não imaginam nenhuma outra aplicação para esses meios, exceto para a retirada do exterior.

Em terceiro lugar, surge uma questão natural: quem ficará com a propriedade do Estado e em que condições? O plano de privatização mais “modesto”, mesmo antes da viagem a Washington, incluía Transneft, Rostelecom, Sovcomflot, Rosseti e RusHydro. No "ambicioso", suponho, a lista será mais ampla. A participação do estado neles cairá para 50%, em alguns para 25% e até para 0%. Como isso pode parecer na prática?

Seria ingênuo acreditar que alguém que não fosse um círculo extremamente restrito de pessoas conhecidas teria permissão para fazer tais boatos. Além disso, os defensores da abordagem liberal irão objetar que está tudo bem, porque o estado vai ficar com 25% a 50%. Mas em nossa realidade é ainda pior, explica o jornalista Sergei Yezhov:

Esse é o cenário mais negativo: as empresas continuarão contando com o apoio das autoridades, ganhando vantagens não competitivas no mercado, e os beneficiários delas. política tornar-se-ão indivíduos privados que colocarão as mãos na maior parte dos lucros.


Na verdade, os modernos "privatizadores" tornaram-se mais inteligentes. Eles preferem ter o controle de fato sobre as empresas, mantendo uma participação no Estado e transferindo todo o fardo dos custos de sua "gestão eficaz" para ele. Acontece uma "lacuna" tangível no orçamento federal.

Quanto às empresas que vão 100% para as mãos de "particulares", o seu destino é totalmente inviável. Basta lembrar o Rusal de Oleg Deripaska. Os EUA conseguiram "espremer" a gigante do alumínio até do oligarca próximo ao Kremlin. O que dizer de qualquer outro proprietário de um bem interessante, via de regra, que prefere morar com sua família no Oeste, onde existem contas bancárias e imóveis de luxo? Eles vão levar tudo a um preço razoável.

Portanto, resta pensar como isso é possível em nossa "Guerra Fria-2".
19 comentários
informação
Caro leitor, para deixar comentários sobre a publicação, você deve login.
  1. Alexander Ra Off-line Alexander Ra
    Alexander Ra (Alexandre) 26 Outubro 2019 13: 19
    +5
    A tradução do latim explica como a privatização vai terminar. Privação é privação. O povo do país é despojado Os Chubais-Siluanovs e todos os presidentes afastaram de longe o terceiro artigo da Constituição - o povo está em silêncio, eles não lembram. Os membros da OTAN voam nas proximidades e se preparam - a transferência de nossa propriedade para uma jurisdição estrangeira lhes dará o direito de enviar tropas para "proteger" sua nova propriedade algum dia. Precisamos de uma revisão da privatização. Seus resultados antipopulares devem ser reconhecidos como criminosos e inválidos.
    1. Conn Off-line Conn
      Conn (Conexão) 27 Outubro 2019 20: 56
      +1
      Obrigado ao líder gênio Putin pelo nosso feliz presente!
    2. Victor N Off-line Victor N
      Victor N (Victor n) 28 Outubro 2019 12: 31
      -1
      E o que será dos ortodoxos se uma auditoria for realizada, mas nenhum corpus delicti for encontrado? Parece que eles próprios terão de nomear criminosos com base em preferências puramente pessoais. Já era .....
  2. Eduard Aplombov Off-line Eduard Aplombov
    Eduard Aplombov (Eduard Aplombov) 26 Outubro 2019 13: 56
    0
    Apesar da minha atitude negativa em relação ao regime, a privatização é compreensível - o estado (regime) é preguiçoso, caro, não há tempo, etc. para manter e gerenciar empresas, é muito mais fácil e lucrativo para eles coletar impostos deles, tendo dado toda a gestão a empresas privadas, o que se justifica em algum lugar, mas em algum lugar, infelizmente, pode-se ver a traição e sabotagem dos benefícios momentâneos de certos grupos * das torres do Kremlin *. O problema do país é que não há ninguém para escolher em vez de VVP e sua * estranha * equipe na Casa Branca.
  3. zenião Off-line zenião
    zenião (zinovy) 26 Outubro 2019 17: 09
    +5
    Eles vão vender e doar junto com os servos. Em geral, fica-se com a impressão de que este governo e sua luta com o Ocidente são pura fantasia para você. Estão fazendo de tudo para que em nenhum caso o povo se levante. Então, eles estão fazendo essas guerras de desenhos animados entre os EUA e a Rússia. Todos ao redor são seus, mas seu povo é o inimigo.
  4. Marzhetsky Off-line Marzhetsky
    Marzhetsky (Sergey) 26 Outubro 2019 18: 19
    +1
    Citação: Eduard Aplombov
    ... a privatização é compreensível - o estado (regime) é preguiçoso, caro, não há tempo, etc. manter e administrar empresas, é muito mais fácil e lucrativo para elas cobrar impostos delas, dando toda a gestão a uma empresa privada

    Nós precisamos disso?
    1. Marciz Off-line Marciz
      Marciz (Stas) 27 Outubro 2019 04: 45
      +2
      Pois bem, e o que podem fazer todas as pessoas que não são indiferentes ao destino da ex-URSS, não há partido alternativo para todas as ex-repúblicas, não há centro de unificação para voltar a uma vida adequada, pelo menos não há ferramentas de propaganda contra tudo o que se faz no nosso país, e em vocês, líderes.
      1. Victor N Off-line Victor N
        Victor N (Victor n) 28 Outubro 2019 12: 38
        0
        Bem, se tudo o que você mencionou não está lá, então talvez não seja necessário? Na "ferramenta de propaganda" você escreve - o que mais? Justifique, prove de forma convincente - se puder.
        1. Marciz Off-line Marciz
          Marciz (Stas) 28 Outubro 2019 15: 37
          0
          Bem, por exemplo, o colapso de nossa própria produção de alimentos e a compra massiva de alimentos no exterior. Esta é uma decisão extremamente inadequada, dizendo que a liderança é tola ou espiões são pestes.
          Bem, como as guerras agora estão sendo travadas - mas como o Ocidente e seus fantoches querem, nós apenas corremos atrás delas e às vezes com sucesso. E aí um belo Ano Novo X você vai ao mercado, onde, basicamente, os donos, alheios à nossa sociedade, os elementos vão te vender as mesmas tangerinas, laranjas, bananas para a mesa de Ano Novo e ninguém vai dar uma garantia de que não vão estar no feriado bombeados com algum tipo de veneno ou infecção, a alfândega, assim como todas as autoridades regulatórias, estão corruptas na hora X, só o suborno será mais.
          E aqui está o resultado para você - quase todo o país em um dia, para dizer o mínimo, adoeceu.
          Sem falar que alguns produtos simplesmente nos prejudicam.
  5. trabalhador de aço 26 Outubro 2019 19: 37
    +1
    Talvez, primeiro, tenhamos de prestar contas da primeira privatização? 1-1,5% do PIB por ano e assim por 20 anos consecutivos! Mas Putin não tem nada a ver com isso !?
  6. Igor Pavlovich Off-line Igor Pavlovich
    Igor Pavlovich (Igor Pavlovich) 26 Outubro 2019 19: 57
    +2
    Que bom czar, que bad boyars ...
  7. Oleg Kalugin Off-line Oleg Kalugin
    Oleg Kalugin (Oleg Kalugin) 27 Outubro 2019 16: 25
    +1
    Tudo vai passar e tudo voltará ... Podemos pelo menos forçar demais, mas eles não ligam ... Eu vi como os regimentos soviéticos (unidades militares junto com equipamentos) foram vendidos no período pós-soviético e ninguém sequer deu uma espiada, então não se esforce em vão em suas tentativas engraçado ...
    Embora não, um comandante de divisão e comandante de batalhão deu um guincho ... Mas isso já é uma longa história ...
  8. Dzafdet Off-line Dzafdet
    Dzafdet (Sergey) 27 Outubro 2019 19: 33
    +1
    Eles não podem lidar com Naftogaz. E então eles serão totalmente achatados. Um ou dois ...
  9. Sergey Latyshev Off-line Sergey Latyshev
    Sergey Latyshev (Sarja) 27 Outubro 2019 19: 54
    +1
    Enquanto o patriota Putin corajosamente se autodenomina liberal e democrata, e nomeia um governo liberal oligárquico ... o que você pode se surpreender ????
    O que você acha ???
  10. Victor N Off-line Victor N
    Victor N (Victor n) 28 Outubro 2019 12: 25
    -1
    "História de terror" baseada em apenas uma frase ambígua. Vale a pena analisar - o que Deripaska perdeu fisicamente? E a rejeição categórica da privatização com base em dogmas anteriores não é convincente.
    Se falamos da GESTÃO estatal da economia, é preciso primeiro imaginar de onde virão os gestores competentes, que NUNCA existiram em abundância.
    Um tópico muito interessante está intimamente relacionado a tudo isso: por que os "ricos" retiram dinheiro da Rússia? Afinal, não com base na mesquinhez inata?
  11. Marzhetsky Off-line Marzhetsky
    Marzhetsky (Sergey) 29 Outubro 2019 16: 37
    +1
    Citação: Victor N
    E a rejeição categórica da privatização, com base em dogmas anteriores, não é convincente.

    Esta é apenas a sua opinião. Em comparação com as opiniões de outros leitores, você está em minoria.
    1. Victor N Off-line Victor N
      Victor N (Victor n) 29 Outubro 2019 17: 22
      -1
      Espero que alguém pense. A história econômica recente ainda é mal compreendida. Algumas pessoas ainda não entendem que a economia socialista entrou em colapso naturalmente.
      1. Alexander Ra Off-line Alexander Ra
        Alexander Ra (Alexandre) 4 Novembro 2019 09: 31
        0
        Citação: Victor N
        a história econômica recente ainda é mal compreendida.

        E nunca uma ovelha analfabeta conhece bem a história biológica do lobo.
        Todas as coisas vivas uma vez "desmoronam". Você acha que o capitalismo é eterno e universal?
  12. Aico Off-line Aico
    Aico (Vyacheslav) 1 Novembro 2019 08: 43
    0
    - Falta de forcados e machados !!!