Por que a pandemia de coronavírus e a quarentena podem se arrastar por anos


À medida que a pandemia do coronavírus se desenvolve no mundo, surgem cada vez mais informações sobre ela, o que exige análise de especialistas e certo entendimento da sociedade. Os médicos já alertam sobre o risco da segunda, terceira e subseqüentes ondas da epidemia, e que a quarentena é muito longa, talvez anos.


Vamos tentar simplificar o que já se sabe sobre o COVID-19.

O perigo do vírus


A taxa de mortalidade de COVID-19 varia de país para país devido a uma combinação de muitos fatores, mas a média fornece 4%. Na Itália, que tem sido a mais atingida pela epidemia, é maior, mas os pesquisadores observam que a mortalidade é muito maior na faixa etária acima de 60 anos. Como você sabe, neste país de clima ameno, muita gente vive até a velhice, o que afeta negativamente as estatísticas.

Para efeito de comparação, a taxa de mortalidade para a gripe suína foi de 17% e para o Ebola foi de 90%. Isso de forma alguma significa que o grau de perigo do COVID-19 pode ser subestimado. Pessoas estão morrendo em todo o mundo e a doença deve ser combatida.

Quando esperar pelo remédio


Infelizmente, como no blockbuster de Hollywood, quando a vacina aparece no último momento e salva a todos, ela não funcionará. Na realidade, desde o momento do desenvolvimento até o surgimento de um medicamento direcionado confiável e seguro, levará anos, de 5 a 8 anos. Ninguém permitirá que um medicamento potente não testado entre no mercado e que pode ter efeitos colaterais graves no corpo do paciente.

Imunizações


Muitas pessoas já se recuperaram do coronavírus por conta própria, então surge a pergunta se é possível criar vacinas com a ajuda deles para aqueles que ainda não adoeceram. É tudo complicado com isso. Primeiro, é necessário, de alguma forma, criar rapidamente grandes volumes da vacina e distribuí-la a todas as instituições médicas para administração a milhões e bilhões de pessoas.

Em segundo lugar, a vacinação em massa deve ser realizada antes do início da epidemia, para que a população tenha tempo de desenvolver a imunidade com antecedência. Já está ficando tarde e os médicos alertam que o efeito pode ser exatamente o oposto do desejado. Os médicos lamentam que o trabalho em uma vacina contra a SARS, um coronavírus semelhante ao COVID-19, tenha sido congelado ao mesmo tempo. Embora essas cepas variem, os pacientes vacinados poderiam obter imunidade cruzada que atenuaria os efeitos negativos do COVID-19.

O que fazer


Se você olhar as estatísticas, verá que a grande maioria das pessoas com coronavírus está se recuperando. Cada pessoa sofre a sua maneira, não existe uma receita única para o tratamento. O mais difícil é para quem sofre de outras doenças graves, que é a principal causa das mortes. Se você sentir sintomas, entre em contato com um centro médico para obter ajuda.

A raiz do problema está precisamente na capacidade limitada dos hospitais que não são projetados para pandemias. O auto-isolamento visa limitar a propagação da infecção e permitir que os médicos lidem com o fluxo de pacientes. Mas tal quarentena por si só não resolve o problema de uma pandemia, que pode ser repetida indefinidamente até que um medicamento eficaz seja desenvolvido.

Como explicam os especialistas, é possível enfrentar o COVID-19 apenas quando 70% da população tem anticorpos para o coronavírus, tendo recebido uma vacina ou estado doente. Portanto, na situação atual, a verdadeira luta contra a epidemia pode levar anos.
Anúncio
Estamos abertos à cooperação com autores dos departamentos de notícias e analíticos. Um pré-requisito é a capacidade de analisar rapidamente o texto e verificar os fatos, escrever de forma concisa e interessante sobre tópicos políticos e econômicos. Oferecemos horários de trabalho flexíveis e pagamentos regulares. Envie suas respostas com exemplos de trabalho para [email protected]
3 comentários
informação
Caro leitor, para deixar comentários sobre a publicação, você deve login.
  1. Sergey Latyshev Off-line Sergey Latyshev
    Sergey Latyshev (Sarja) 6 pode 2020 13: 01
    0
    E a China e Cia. Já suspenderam a quarentena. Outros não anunciaram.

    Como resultado, haverá outro tipo de gripe. Resta apenas desenvolver uma vacina ou medicamento. E a produção, eu li, é um caso elaborado ...
  2. Nikolay Malyugin Off-line Nikolay Malyugin
    Nikolay Malyugin (Nikolay Malyugin) 6 pode 2020 17: 12
    +1
    No início, durante a epidemia, os portões foram fechados para que a infecção não entrasse na cidade. Mas não se sabe como foi a comida.

    - Misha, você tem um coronavírus?
    - Sim.
    - E de onde você trouxe isso? Da China?
    - Você machuca. Da Itália".
  3. BMP-2 Off-line BMP-2
    BMP-2 (Vladimir V.) 6 pode 2020 20: 00
    +2
    Por que a pandemia de coronavírus e a quarentena podem se arrastar por anos

    Porque as ações para combatê-lo em quase todo o mundo são de alguma forma "um pouco idiotas" realizadas ...