BRN: China afirma que Vladivostok afirma, mas os russos se calam


O Kremlin está pronto para aceitar o status de parceiro júnior em suas relações com Pequim, mas tal acordo entre as duas potências vizinhas não durará muito, escreve John Herbst no site Belt & Road News (BRN). A colisão entre os titãs eurasianos, de uma forma ou de outra, acontecerá.


O autor acredita que a coincidência temporária de interesses entre a China e a Rússia provavelmente não será mais forte do que os fundamentos fundamentais da geopolítica. A relação conflituosa entre russos e chineses que se arrasta há séculos, confirmando a tese de que vizinhos grandes e poderosos costumam ser rivais.

Ninguém pode prever quando essa relação bilateral retornará ao seu padrão histórico, mas podemos identificar problemas que podem levar a tal reversão.

- o especialista acredita.

Os locais que, em sua opinião, merecem atenção são a fronteira sino-russa e a Ásia Central; onde o poder territorial e a projeção de poder estão em jogo, respectivamente. É provável que surjam tensões em relação à China. E a ruptura final virá quando o Kremlin reconhecer que o Império Celestial representa um desafio mais sério aos seus interesses geopolíticos do que os americanos.

Segundo Herbst, já há os primeiros sinais de futuras reivindicações chinesas na fronteira entre os dois estados. No período entre os tratados de Nerchinsk e Pequim, a fronteira entre os dois países foi ajustada em favor da Rússia. A China chama esses acordos do passado de "desiguais".

Em teoria, o Tratado de Boa Vizinhança, Amizade e Cooperação deveria ter resolvido essa frustração de longa data sobre a fronteira, já que a Rússia cedeu 340 quilômetros quadrados de seu território e a China deixou de lado demandas adicionais. Mas recentemente, um vizinho asiático deixou claro para o Kremlin que a questão ainda é relevante.

No início deste verão, a Embaixada da Rússia em Pequim emitiu um comunicado comemorando o 160º aniversário da fundação de Vladivostok. Isso gerou uma resposta [de um porta-voz da] Rede de Televisão Global da China, estatal da China, de que Vladivostok estava localizado em um terreno cedido pelo Tratado de Pequim e que Haishenwei era uma cidade chinesa rebatizada de Vladivostok. Um diplomata chinês da embaixada em Islamabad falou de maneira semelhante nas redes sociais. Tudo isso soou comedido, mas a China promove escrupulosamente suas reivindicações, citando leis históricas, e também, a princípio sem atrair muito barulho, porque o jogo já se arrasta há muito tempo. Eles tentarão cooperar com Moscou contra Washington e, quando isso se tornar desnecessário, levantarão imediatamente a questão das reivindicações territoriais no Extremo Oriente russo.

- afirma o autor.

Até agora, os russos não reagiram a esse ataque, mas definitivamente não o ignorarão.

Econômico a competição também pode criar atrito. A iniciativa Belt and Road da China representa uma ameaça para a União Econômica da Eurásia (EAEU) e a luta está apenas começando aqui.
  • Fotos usadas: https://pixabay.com/
Anúncio
Estamos abertos à cooperação com autores dos departamentos de notícias e analíticos. Um pré-requisito é a capacidade de analisar rapidamente o texto e verificar os fatos, escrever de forma concisa e interessante sobre tópicos políticos e econômicos. Oferecemos horários de trabalho flexíveis e pagamentos regulares. Envie suas respostas com exemplos de trabalho para [email protected]
14 comentários
informação
Caro leitor, para deixar comentários sobre a publicação, você deve login.
  1. Indiferente Off-line Indiferente
    Indiferente 24 August 2020 15: 00
    +9
    O autor está mentindo! A China não tem reivindicações territoriais contra a Rússia. Taiwan tem, mas quem está ouvindo? Todos os mapas em chinês com territórios ao norte são publicados apenas por Taiwan. Tudo isso está sendo feito para nos envolver e bater nossas cabeças juntas! Não funciona!
    1. acidentalmente Off-line acidentalmente
      acidentalmente 2 Setembro 2020 07: 31
      0
      Com você, o analista fica indiferente. O principal para o dono é lamber.
  2. trabalhador de aço 24 August 2020 15: 01
    -8
    Ainda não significa nada. Também dizemos nos canais estaduais e na mídia que o Alasca é a Rússia. Esta informação é calculada pelo fato de Putin e Medvedev já terem "vendido" parte do território e do espaço marítimo. Portanto, neste assunto, não há confiança neles. Mas quero acreditar que as alterações à Constituição não foram aprovadas em vão ?!
    1. Kuzmich Sibiryakov (Kuzmich Sibiryakov) 24 August 2020 16: 06
      +4
      Citação: fabricante de aço
      Ainda não significa nada. Também dizemos nos canais estaduais e na mídia que o Alasca é a Rússia. Esta informação é calculada pelo fato de Putin e Medvedev já terem "vendido" parte do território e do espaço marítimo. Portanto, neste assunto, não há confiança neles. Mas quero acreditar que as alterações à Constituição não foram aprovadas em vão ?!

      Em nenhum lugar a mídia oficial escreveu que o Alasca era russo. Foi relatado que ela (e a Flórida também) ERAM russas. E que a proteção de territórios ultramarinos para a então Rússia não era possível. O caminho pelo off-road da Sibéria na costa oceânica, a construção de navios, o abastecimento das aldeias TAM ... Dado o desenvolvimento ativo do Velho Oeste pelos europeus, o risco de perder novos territórios era mais do que real. A venda foi lucrativa? Vender territórios sob pressão nunca é lucrativo. Além disso, eles escreveram que não era sem crime lá.

      Se você está tentando pronunciar um pensamento, faça-o.
    2. Rum rum Off-line Rum rum
      Rum rum (Rum rum) 24 August 2020 18: 26
      +1
      "vendeu" parte do território e espaço marítimo.

      Fatos?
  3. laranja Off-line laranja
    laranja (ororpore) 24 August 2020 17: 38
    +3
    A famosa e popular marcha militar soviética contém as seguintes palavras:

    Resistente e lendário nas batalhas, que conheceu a alegria das vitórias!

    “A palavra-chave é“ saber ”.
    Esta também é uma realidade histórica e nunca vai mudar!
    E que tipo de vitória os chineses conheceram? Derrotou o Dalai Lama?
    Os vesgos já pisaram no nariz de Damansky e continuarão a receber, não importa quais sejam suas conquistas e ambições econômicas.
  4. Oyo Sarkazmi Off-line Oyo Sarkazmi
    Oyo Sarkazmi (Oo Sarcasmi) 24 August 2020 18: 30
    +2
    Albright reivindicou a posse da Sibéria. Eles dizem que os russos estão criminalmente proibindo os americanos econômicos lá. Precisamos resolver esse assunto !!!
    Portanto, a questão é: o que é a China no contexto de Albright?
    Um artesão ao lado do mestre do universo?
  5. gorenina91 Off-line gorenina91
    gorenina91 (Irina) 24 August 2020 18: 55
    -1
    BRN: China afirma que Vladivostok afirma, mas os russos se calam

    - Para mim pessoalmente, não há surpresa nisso ... - pessoalmente já falei tantas vezes sobre a China; sua essência; sua prontidão para cortar da Rússia tudo o que "está mal" e, de fato, todas as ações da China em relação à Rússia não inspiram (para mim pessoalmente) qualquer otimismo de que "tal amizade" entre a Rússia e a China durará por muito tempo ... - O descuido de nossa liderança a esse respeito ... - só causa espanto ...
    - Quanto aos eventos de hoje .. - hoje a Rússia precisa de muito dinheiro para melhorar a situação na Bielo-Rússia ... - Nossos oligarcas para isso ... - não vão dar um centavo ... - eles ainda precisam justificar o que já investiram à situação atual na Bielorrússia ... - Além disso ... - eles estão até interessados ​​na instabilidade da situação em Minsk ...
    - É por isso (bem, esta é minha opinião pessoal) ... nossa administração pode hoje "negociar" algum território ... - Bem, os compradores ainda são os mesmos ... - Japão ... - E então ... - A China também foi acrescentada ... - Quanto à China ... - ele não dará dinheiro à Rússia, claro ... - não dará; mas pode prometer aumentar as cotas para o fornecimento de gás russo ...
    1. acidentalmente Off-line acidentalmente
      acidentalmente 2 Setembro 2020 07: 30
      +1
      Irina, você é a única guerreira da Rússia, e os demais vão contra, apoiando suas calças e os putinistas.
  6. _AMUHb_ Off-line _AMUHb_
    _AMUHb_ (_AMUHb_) 24 August 2020 20: 07
    0
    Como mostra a história, está repleta de reivindicações territoriais contra a Federação Russa ...
  7. Potapov Off-line Potapov
    Potapov (Valery) 25 August 2020 08: 57
    0
    O sonho de todo homem comum é jogar contra a RPC e a Federação Russa. Não tenho nada a ver com isso ... Eles não publicam essas bobagens de graça - peça ...
    1. Oyo Sarkazmi Off-line Oyo Sarkazmi
      Oyo Sarkazmi (Oo Sarcasmi) 25 August 2020 12: 54
      0
      Ou sonhos molhados.
  8. shinobi Off-line shinobi
    shinobi (Yuri) 26 August 2020 11: 07
    0
    Todo mundo tem direito a todos. Mas histeria por algum motivo, apenas no Ocidente.
  9. sad1940 Off-line sad1940
    sad1940 (sarja) 16 Outubro 2020 13: 48
    +1
    Com esses "amigos" você tem que ficar de ouvido atento! Eles são ótimos traidores. E o crescimento populacional aos trancos e barrancos requer territórios adicionais. E então existem alguns territórios vazios nas proximidades!