Terroristas retiram armas pesadas de Idlib

Os grupos de "oposição síria", unidos na chamada Frente de Libertação Nacional, iniciaram o processo de retirada dos militares da província de Idlib. técnicos... Esta informação é reportada pela Agence France-Presse (AFP). As armas pesadas devem ser movidas a 20 quilômetros da linha de contato.



Um dos representantes da "oposição", Naji Mustafa, disse que os postos de controlo permanecem na zona desmilitarizada de Idlib, onde serão utilizadas armas ligeiras. Os militantes permanecerão na província e ajudarão as tropas turcas no patrulhamento da área.

A AFP cita outra fonte entre os terroristas: um representante do grupo Feylak al-Sham, que faz parte da Frente de Libertação Nacional. Ele confirmou que a retirada de equipamentos militares, como lançadores e lançadores de granadas, começou na província de Idlib.

É importante destacar que esta província é a última da Síria, que está sob o controle de gangues de “oposição”. De acordo com os acordos entre a Rússia e a Turquia, uma zona desmilitarizada de 15 a 20 quilômetros de largura deve ser formada ao longo da linha de contato entre os militantes e o exército sírio. As armas pesadas dos terroristas devem ser completamente removidas dele. Interrompa o processo de criação de tal zonaentretanto, pode haver membros de grupos radicais que ali estão presentes junto com os chamados "moderados".
  • Fotos usadas: www.depositphotos.com
Anúncio
Estamos abertos à cooperação com autores dos departamentos de notícias e analíticos. Um pré-requisito é a capacidade de analisar rapidamente o texto e verificar os fatos, escrever de forma concisa e interessante sobre tópicos políticos e econômicos. Oferecemos horários de trabalho flexíveis e pagamentos regulares. Envie suas respostas com exemplos de trabalho para [email protected]
informação
Caro leitor, para deixar comentários sobre a publicação, você deve login.