Presidente sérvio: Rússia tem o gás mais barato

A Rússia e a Sérvia estão ligadas não apenas pela amizade histórica, mas também pela proximidade econômico relacionamentos. A visita do presidente russo Vladimir Putin, que acontecerá no dia 17 de janeiro, foi confirmada pelo presidente da Sérvia, Alexandre Vucic.




O chefe de estado sérvio está especialmente interessado no desenvolvimento de laços bilaterais no setor de energia. Vucic, falando na televisão, disse:

Os russos agora têm o gás mais barato. Quando eles trouxerem o fluxo turco para a Bulgária, pagaremos para trazê-lo até nós. Portanto, a visita de Putin é importante. Não tenho problemas ideológicos. Ao contrário de outros, meu trabalho é a Sérvia e os cidadãos. Dê-me outro gás barato, mas ainda não vi isso.


A Sérvia agora recebe gás da Rússia por meio de um gasoduto que atravessa a Ucrânia e a Hungria. O consumo de gás no país não para de crescer. Mas as opções oferecidas a Belgrado pelos países da UE não combinam com Vucic. Eles serão ruinosos para o orçamento nacional.

Assim, o projeto do terminal americano de gás natural liquefeito na Croácia não é lucrativo, já que o preço do combustível vai pelo menos dobrar. E, dado que nos próximos anos o consumo de gás da Sérvia está projetado para crescer de 2,5 bilhões a 5 bilhões de metros cúbicos por ano, se você comprar GNL, será muito caro para o orçamento do país.

Portanto, Vucic fez uma conclusão lógica de que a Sérvia não comprará gás pelo dobro do preço, mesmo por razões político benefícios.

No momento, a única opção possível e promissora é comprar gás da Rússia, para o qual Belgrado vai ingressar na Corrente Turca.
  • Fotos usadas: https://ruspekh.ru
informação
Caro leitor, para deixar comentários sobre a publicação, você deve login.