Os problemas do Boeing 737 Max não acabaram: novo incidente nos EUA

Um Boeing 737 Max fez um pouso de emergência no aeroporto de Orlando, localizado no estado americano da Flórida. A aeronave é propriedade da Southwest Airlines.




Esta informação foi obtida pela Fox News da Administração de Aviação Civil dos Estados Unidos.

Logo após a decolagem, a tripulação do forro informou ao despachante sobre a presença de problemas, solicitando um pouso de emergência. Descobriu-se que a causa da falha foi operação inadequada do motor. O pouso da aeronave ocorreu sem problemas.

O Boeing 737 Max voou sem passageiros a bordo. O vôo foi realizado com o objetivo de ultrapassar a aeronave para um novo local de estacionamento temporário.

O aumento da atenção às aeronaves deste modelo começou a aparecer após a queda na Etiópia do Boeing 737 Max, de propriedade da Ephiopian Airlines. O acidente matou 157 passageiros e tripulantes. Após o incidente, os Estados Unidos, a Rússia, vários países da UE e alguns outros países fecharam seu espaço aéreo para voos de aeronaves desta modificação, e a fabricante de aeronaves Boeing suspendeu o fornecimento dessas aeronaves aos consumidores. Também baniu os modelos Max 8 e Max 9.
  • Fotos usadas: https://ru.depositphotos.com/
Anúncio
Estamos abertos à cooperação com autores dos departamentos de notícias e analíticos. Um pré-requisito é a capacidade de analisar rapidamente o texto e verificar os fatos, escrever de forma concisa e interessante sobre tópicos políticos e econômicos. Oferecemos horários de trabalho flexíveis e pagamentos regulares. Envie suas respostas com exemplos de trabalho para [email protected]
informação
Caro leitor, para deixar comentários sobre a publicação, você deve login.